Transparência na RDC

Uma história sinistra de contratos de mineração secretos na República Democrática do Congo (RDC) tem impedido que a riqueza mineral do país beneficie os seus 67 milhões de cidadãos. No entanto, iniciativas políticas e o envolvimento internacional trazem esperanças de que a RDC enverede rapidamente por uma via de maior transparência.

A transparência é essencial pois reduz as oportunidades de corrupção e reforça a responsabilização. A falta de transparência no setor extrativo mundial ajuda a explicar por que razão, apesar da sua extraordinária riqueza mineral, a RDC regista dos piores níveis de subnutrição do mundo, a sexta maior taxa de mortalidade infantil a nível global e mais de 7 milhões de crianças que não frequentam a escola.

Contudo, os esforços para aumentar a transparência devem também chegar ao sistema financeiro internacional que transige com a existência de fluxos financeiros ilícitos (link) e tem assim facilitado a corrupção e o conflito num dos países mais populosos de África. Direta e indiretamente, os conflitos na RDC têm causado milhões de vítimas mortais.